sexta-feira, março 13, 2009

Vitus, o menino prodígio

Sabe quando você vai ao cinema, e de repente quase tudo você já viu? E os únicos que faltam você não quer ver? Então, no cinema ontem aconteceu comigo, fui logo escolhendo pelo lugar de onde foi filmado, e a bola da vez foi para um filme sueco, o “Vitus”. Um filme que mistura diomas e deixa a gente deslumbrado com o enredo. Um menino superdotado cresce de uma forma diferente, e o que é ele devia viver de verdade, não pertence ao mundo dele, sendo que devia. Como acontece com os super gênio da vida. Bastante comovente, o menino consegue se livrar do raciocínio e é levado pela razão. Um filme muito de bom gosto e bem feito, e merece ser visto por todos. O final, da uma vontade imensa de bater palmas, e acho que muitos tiveram a mesma sensação que eu. Vão ver!

P.S: Desculpe na semana passada eu vi o filme “Rumba”, e nem quis mentar. Um filme bom, mas chato. Comédia romântica francesa com um mínimo de fala. Engraçado, mas chato. Mas quem quiser ver, vá. E quem não quiser, não precisa... risos... Gente, lembrem se que é uma opinião pessoal.

3 comentários:

Thales disse...

Ele não teve uma participação especial como Gabriel Gray, quando criança, no seriado Heroes?

Alinè disse...

Porque tudo que parece ruim a princípio depois se torna bom?que será que acontece?

fe disse...

huahuuhahuhua
eu sei q vc naum sabe pq estou rindo...mas naum tem como eu escrever aki...
só posso dizer q te amu

BML